Uso de cookies

Para você navegar neste website, usaremos cookies para melhorar e personalizar sua experiência. Saiba mais em nossa política de de privacidade.

Feira Zero Grau lança experiência omnichannel

Projeto ONNO Place visa otimizar as negociações na feira: é uma loja on-line que reune “gifts” dos expositores para incentivar as compras e aumentar o fluxo de movimento nos estandes da mostra que acontece de 15 a 17 de novembro

Mesmo antes de abrir as portas dos pavilhões, a Zero Grau – Feira de Calçados e Acessórios já está mexendo com a estrutura do mercado calçadista. A feira será o ambiente para o lançamento do primeiro Market Place em uma feira profissional, reunindo a indústria e o varejo de uma forma inusitada. Numa parceria da Merkator Feiras e Eventos, empresa promotora da feira, com a Linx|Seta Digital, expositores e lojistas terão uma experiência única em assistir à integração do físico e do digital dentro de um evento. O projeto ONNO Place será mais um braço para otimizar as negociações na feira: é uma loja on line que vai reunir “gifts” dos expositores para incentivar as compras e aumentar o fluxo de movimento nos estandes.

“É uma inovação que vai materializar todas as experiências deste período de pandemia, quando ocorreu uma diminuição de barreiras entre os meios digital e físico”, afirma Frederico Plestch, diretor da Merkator. Ele acrescenta que esta é a missão de uma promotora que tem “o objetivo claro em oferecer oportunidades diferenciadas em seu evento. Temos sempre que mostrar as tendências do mercado”. A Zero Grau – Feira de Calçados e Acessórios, acontece nos dias 15, 16 e 17 de novembro, no Centro de Eventos do Serra Park, em Gramado/RS.

Os expositores podem oferecer uma grande variedade de “gifts” para despertar o desejo do lojista em acessar várias vezes a sua marca. “Em cada acesso, o lojista terá condições de receber os presentes ofertados por cada expositor”, diz Pletsch. Estes “gifts” podem ser descontos nas compras, brindes, materiais de PDV, prazos estendidos e outros benefícios.  “O expositor decide a maneira como deseja participar: pode querer aumentar o número de visitantes em seu estande ou mesmo a conversão de pedidos. Enfim, quem aderir ao projeto terá sempre um apelo a mais para o lojista visitar o seu estande dentro da feira, pois é ilimitado o número de acesso para cada lojista, totalmente isento custo” explica Pletsch. A logística é muito simples: o expositor pode optar para o varejista retirar seu presente em seu estande ou no espaço da Administração da feira dentro dos pavilhões, que também será um ponto para a entrega dos presentes. Este projeto traz para o mercado a primeira experiência omnichannel em uma feira, que significa uma estratégia simultânea que interliga diferentes canais de comunicação, sendo hoje uma tendência do varejo.  

Outras notícias

Castástrofe Climática: ACIST-SL cancela eventos de maio

  Devido aos graves efeitos da catástrofe climática que assola São Leopoldo, a ACIST-SL cancelou todos os eventos programados para maio. “Nossos esforços estão concentrados em apoiar os atingidos pela enchente. Criamos uma força-tarefa com nossos associados para receber e