Uso de cookies

Para você navegar neste website, usaremos cookies para melhorar e personalizar sua experiência. Saiba mais em nossa política de de privacidade.

Empresa leopoldense fornecerá biscoitos de quinoa para companhia aérea do Japão

István Dergecz Neto e Sergio Costa, fundadores da Alpacas Food

István Dergecz Neto e Sergio Costa, sócios-fundadores da Alpacas Food

Foto: Edu Deferrari

 

O incêndio que destruiu a fábrica em maio deste ano não foi empecilho para a Alpacas Foods manter o planejamento de fornecer os alimentos naturais para a Toki Air

 

No final de setembro, os passageiros da mais recente companhia aérea do Japão, a Toki Air, terão como lanche a linha de crispies de quinoa desenvolvida e fabricada em São Leopoldo, município gaúcho localizado na região metropolitana de Porto Alegre/RS. O anúncio foi feito nesta semana pelos empreendedores István Dergecz Neto e Sérgio Costa, que ao longo de dois anos investiram em pesquisas e desenvolvimento para chegar ao padrão desejado.

 

Produção dos biscoitos de quinoa Quinoa Rock
Produção dos biscoitos de quinoa Quinoa Rock

 

Após dois meses de testes, o primeiro embarque marítimo ocorreu  em setembro, com o envio de 15 mil unidades. A segunda remessa está programada para outubro, desta vez via aérea, efetivando assim a continuidade da parceria comercial. Novamente, serão exportadas 15 mil unidades. 

 

Serão fornecidos os biscoitos da linha Quinoa Rock, nas versões chocolate belga, chocolate belga zero açúcar, chocolate branco zero açúcar e 70% cacau. 

 

Os produtos da Alpacas já são vendidos em 18 Estados. Os próximos passos são colocá-los também nos mercados de Dubai, nos Emirados Árabes, e na América Latina, como Paraguai e Uruguai.

 

Alpacas Food – Idealizada em 2021, a Alpacas Food recebeu investimentos em torno de R$ 2 milhões entre a aquisição das instalações, dos maquinários, pesquisa e desenvolvimento, contratação e treinamento de mão de obra, marketing e vendas, além da importação da matéria-prima. A quinoa vem dos Andes, mas a produção é totalmente local. 

 

Atualmente, são produzidas 12 versões de crispies, somando 500 mil unidades de biscoitos/mês, que são comercializadas tanto em redes supermercadistas como em lojas de produtos naturais.

 

Resiliência –  “Muitas vezes nos lembramos da fênix, a ave que renasce das cinzas após ter sido queimada”, comenta István, sem esconder a emoção.

 

O motivo: a noite de 27 de maio deste ano, quando a fábrica, recém-adquirida, foi inteiramente consumida por um incêndio que iniciou em uma empresa vizinha situada no mesmo condomínio de indústrias, no Bairro Rio Branco. “Perdemos tudo. Do maquinário ao estoque, não sobrou nada. E estávamos às vésperas da participação da Naturaltech,  a maior feira da América Latina do setor e que aconteceria em São Paulo”, lembra Costa. “Era a nossa segunda exposição. Estande maior, mais produtos. Estávamos entusiasmados pelo desempenho de 2022, quando muitos visitantes da feira elegeram o nosso produto como um dos mais inovadores do evento”, lembra. 

 

O incidente mostrou o poder da amizade e da resiliência. Vários clientes, tanto lojistas como distribuidores, que já haviam recebido estoque, entraram em contato e devolveram os pedidos. Assim, ambos puderam participar do evento. “Percebemos o valor das verdadeiras parcerias, pois não teríamos como produzir a tempo para a exposição”, ressalta István. 

 

Em agosto, a Alpacas Food adquiriu um novo prédio, localizado na mesma avenida da fábrica anterior. “O acesso para receber as matérias-primas, a distribuição para as demais cidades e Estados e equipes capacitadas são fatores de competitividade. E também temos forte relação com o município” aponta István. 

 

Sobre a Toki Air –  A Toki Air é uma companhia aérea regional fundada em 2020 e que iniciou as operações este ano, com base no aeroporto de Niigata. Um dos diretores da empresa japonesa é cliente da Alpacas e, por acreditar nos produtos, decidiu apresentá-los aos demais acionistas. Após dois meses de testes, o primeiro embarque aéreo, com cerca de 15 mil unidades, acontecerá no início de outubro.

 

A Toki Air fará voos regionais na Província de Niigata
A Toki Air fará voos regionais na Província de Niigata

 

“Temos propósitos de valor parecidos com a Toki Air, pois desejamos levar ao consumidor boas experiências. Nós, a partir da oferta de alimentos saudáveis e com sabor. E a companhia japonesa quer oferecer, mesmo com voos curtos, serviço de bordo de qualidade”, ressalta István.  Outra semelhança que ele  observa é a identidade visual da companhia aérea: é a estilização da asa da ave toki, considerada sagrada e mística pelos japoneses, assim como a fênix. “Esta sinergia é muito simbólica, pois a toki também estava em extinção”. 

 

Sobre os crispies – O desenvolvimento dos biscoitos crocantes a base de quinoa, considerado um superalimento, é resultado da busca de maior qualidade de vida dos empreendedores. István Neto, engenheiro mecânico de Produção, também é proprietário da Pizza Mood, cujas pizzas são feitas com insumos orgânicos obtidos junto a pequenos produtores locais, e Sérgio Costa é um dos sócios fundadores da Divina Terra,  rede de franquias de alimentação saudável. “A Alpacas Food nasceu com o objetivo de criar produtos que aliam a nutrição com sabor”, explica István. 

 

A escolha pela quinoa é devido às propriedades. Por ter baixo índice glicêmico e ser rica em fibra, a quinoa estimula a mastigação, diminui o esvaziamento gástrico e aumenta a sensação de saciedade, adiando a fome. Cada 100 gramas de quinoa (crua) contém 15 gramas de proteínas, 68 g de carboidratos, 1,5 mg de ferro, 286 mg de fósforo, 112 mg de cálcio, 5 g de fibras e 335 kcal. “A composição pode variar um pouco, em razão da diversidade de sementes”, comenta István. O formato atual do crispies levou mais de um ano para ser concluído. “Temos um produto genuinamente brasileiro, obtido a partir de uma matéria-prima procedente dos Andes”, sintetiza Costa.

 

A quinoa é uma espécie de planta nativa da região andina do Peru, Bolívia, Equador e Colômbia e consumida há mais de quatro mil anos. Seu plantio é feito a mais de três mil metros de altitude. Apesar da qualidade e proximidade, estes produtos ainda são poucos conhecidos da maioria da população e por vezes exigem dedicação no seu preparo na cozinha. Segundo István, o objetivo da Alpacas é descomplicar o consumo destes alimentos, através da inovação no seu preparo.

 

Outras notícias

Linha Submersa

HIGRA projeta crescimento de 50% e investe no mercado europeu

  A HIGRA, desenvolvedora de soluções em bombeamento, tratamento de efluentes e geração de energia limpa de São Leopoldo/RS, inicia sua trajetória rumo à Europa. Isto porque  se concretiza o contrato de licenciamento para produção e distribuição de bombas e

Curso para mestre de obras

SINDUSCOM Vales abre inscrições para mestre de Obras

  Estão abertas as inscrições para mais uma edição do curso Mestre de Obras, uma ação do Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário de São Leopoldo e da Região dos Vales do Sinos, Caí e Encosta da Serra (SINDUSCOM