Você está aqui
Home > Empresas & Negócios > Stihl inicia a construção do seu novo centro de pesquisa e desenvolvimento

Stihl inicia a construção do seu novo centro de pesquisa e desenvolvimento

A Stihl Ferramentas Motorizadas promoveu uma solenidade para marcar o início das obras do novo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento, primeiro projeto do pacote de investimento de R$ 300 milhões anunciado em setembro na Alemanha. O governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, esteve presente neste momento que aconteceu ontem (6) na sede da Stihl, em São Leopoldo.

“Contamos com aproximadamente 50 colaboradores na Stihl Brasil focados, exclusivamente, em pesquisa e desenvolvimento, ou seja, na busca por novas e aperfeiçoadas tecnologias”, destacou Cláudio Guenther, presidente da Stihl Brasil. Já Selina Stihl (membro do Conselho Consultivo), enalteceu a cidade sede da fábrica no Brasil e afirmou que o novo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento fortalecerá a produção local de maneira geral. São Leopoldo tem futuro”. Por fim, o governador José Ivo Sartori ressaltou que este investimento representa a colheita de bons resultados plantados por pessoas com crença na evolução. “Um novo espaço como este significa confiança no Rio Grande do Sul e no povo gaúcho”, disse.

O novo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento terá um espaço de 3.200 m² com um investimento total de R$ 38,5 milhões. A estrutura contará com instalações modernas conforme padrões da matriz alemã que abrigarão 35 salas individuais para testes, espaço para preparação de motores e área administrativa. A estimativa para a conclusão da obra e início do funcionamento do novo prédio é até o final de 2018. Esta expansão foi identificada mediante a necessidade de modernização e aumento da capacidade de desenvolver e testar produtos e de inovações para o Grupo Stihl.

Até 2020, o restante dos investimentos contemplarão, além das áreas de inovação, pesquisa e desenvolvimento, a construção de um novo prédio para expansão das linhas de produção com instalações voltadas à concepção de uma indústria limpa. Além disso, a empresa está impulsionando a implementação de tecnologias para a digitalização, otimização e automatização dos seus processos fabris alinhados ao conceito de Indústria 4.0.

Para a solenidade, também estiveram presentes as lideranças da empresa alemã Hans Peter Stihl, presidente honorário do Conselho Consultivo do Grupo STIHL; Nikolas Stihl, presidente do Conselho Consultivo do Grupo STIHL; Selina Stihl, membro do Conselho Consultivo do Grupo STIHL; e Cláudio Guenther, presidente da STIHL Brasil, além do embaixador da Alemanha no Brasil, Dr. Georg Witschel, do cônsul da Alemanha para o RS e SC, Dr. Stefan Traumann, do prefeito de São Leopoldo, Ary Vanazzi, e do reitor da Unisinos, Marcelo Fernandes de Aquino.

Fonte: Imprensa Stihl | Enfato Multicomunicação

Foto: Luiz Chaves/Palácio Piratini

 

Top