Você está aqui
Home > Empresas & Negócios > Empresa gaúcha inova na luta contra o coronavírus

Empresa gaúcha inova na luta contra o coronavírus

FCC foca esforços no apoio às comunidades onde estão instaladas suas unidades

 

Buscando ajudar os profissionais que estão na linha de frente do combate ao coronavírus, a FCC, conhecida por utilizar a ciência dos materiais para atender diversos mercados tem inovado na produção de materiais para doação.

Em parceria com a Lebbre, startup de impressão 3D, a empresa desenvolveu protótipos e aprovou, em tempo recorde, a produção de máscaras de proteção facial para profissionais da saúde, que têm uma grande vantagem sobre as máscaras tradicionais: podem ser reutilizadas inúmeras vezes, desde que devidamente higienizadas.

A FCC ajudou a desenvolver, disponibilizou matéria-prima e está patrocinando a dedicação total da Lebbre a esse projeto, que está com as impressoras funcionando dia e noite para suprir a escassez desses produtos nos hospitais.

 

A primeira doação foi feita ao Hospital Municipal de Campo Bom/RS e a previsão é de que dezenas de outras instituições também sejam beneficiadas. O projeto iniciou na última semana e dezenas de máscaras já foram doadas.

Outra inovação foi o desenvolvimento de um álcool gel com propriedades diferenciadas. O álcool gel tradicional, quando utilizado muito frequentemente, pode provocar o ressecamento das mãos, já o produto desenvolvido pela FCC é eficaz contra o coronavírus e não agride a pele. A empresa está dedicando parte de sua operação à produção de 15 mil litros de álcool gel para doação a diversos centros de saúde, tanto no Rio Grande do Sul quanto na Bahia. As doações iniciaram nos municípios onde a empresa possui unidades de produção e, somente na última semana, já foram destinados mais de 5 mil litros de álcool gel para hospitais e postos de saúde.

Para Marcelo Reichert, CEO da FCC, é hora de contribuir com a comunidade para superar esta situação. “É um momento de solidariedade e as empresas devem usar suas estruturas para ajudar as comunidades, doando o que podem. Matérias-primas para produção de álcool gel estão escassas no momento, então estamos dedicando toda matéria-prima que temos disponível para produzir o material doado”, destacou. Outra ação social da empresa foi uma doação em dinheiro que contribuiu para a compra d

e respiradores e monitores para o hospital campobonense.

A busca pelo equilíbrio: bem-estar das pessoas e preservação dos empregos

A FCC produz materiais para diversos mercados, entre eles, setores essenciai

 

 

s como saúde e higiene. Por isso, mantém o seu funcionamento, com a adoção de medidas de precaução em sua unidade gaúcha, bem como na unidade da Bahia. “A cadeia de fornecimento é muito complexa e a FCC faz produtos que abastecem os mais diversos mercados, em diversas regiões do Brasil e com diferentes aplicações. A FCC produz itens essenciais para setores que são cruciais ao combate do coronavirus e à vida das pessoas”, afirma Reichert.

Além disso, a FCC segue com seu esforço de encontrar o equilíbrio entre zelar pelo bem-estar dos colaboradores e seus familiares e a continuidade da operação, como forma de preservar os empregos. Uma das medidas adotadas pela FCC para prevenção e segurança da equipe foi a redução do número de colaboradores que permanecem fisicamente na empresa. A unidade gaúcha, que possuía uma concentração maior de colaboradores, teve uma redução parcial no número de pessoas em diversas áreas de apoio, através do incentivo ao modelo de trabalho à distância. “Mudamos inúmeros processos dentro da empresa e implementamos novas formas de trabalhar. Essas medidas visam reduzir o número de pessoas circulando pela FCC, evitando aglomerações e aumentando ainda mais a segurança daqueles que estão fisicamente na empresa”, destaca Reichert.

Desde o início da crise do coronavírus, a FCC conta com um Comitê de Gestão de Crise do COVID-19, responsável por monitorar continuamente as recomendações de especialistas e implementar dezenas de ações. Entre as ações estão: medição de temperatura de todas as pessoas que entram na empresa; intensificação da limpeza em ambientes de uso comum; ambientes arejados, com janelas e portas abertas e instalação de exaustores; disponibilização de álcool em gel e líquido 70%, tanto para uso no ambiente de trabalho (equipamentos, computadores, telefones e demais utensílios), bem como para o uso pessoal, instruindo a higienização de 5 a 10 vezes ao dia; adaptações no modelo de serviço no refeitório; horários de almoço escalonados; proibição do chimarrão (mesmo que individual), entre outras.

Sobre a FCC – A tecnologia desenvolvida pela FCC faz parte do dia a dia das pessoas. Está presente em todas as grandes marcas de carros produzidas no Brasil e nas principais marcas de calçados femininos, masculinos e infantis, e nas maiores marcas globais de calçados esportivos. É a principal fabricante de argamassa polimérica para assentamento de alvenarias, e de vedação para silos e carrocerias da América Latina. Os materiais criados pela FCC também fazem parte da construção de casas, móveis, eletrônicos, utensílios de higiene pessoal, utilidades domésticas, equipamentos médicos e muito mais.

Top